9/07/2007

PyConBrasil

Uma semana após o PyConBrasil resolvi me pronunciar sobre o evento!

Para começar, levei aproximadamente 30 horas de viagem para chegar em Joinville! Na viagem estava muito ansioso, por não conhecer ninguém da comunidade pessoalmente e por nunca ter participado de um PyCon e por começar dando um treinamento de um Framework Web que está iniciando em um ambiente onde há muitos desenvolvedores que utilizam Zope/Plone.

Meu primeiro contato com o pessoal, na Assembleia tirou todas essas baboseiras da minha cabeça.

Aliás a melhor coisa que estou trazendo do evento são as amizades que fiz lá. Realmente estava lá uma comunidade. Muito bate papo entre uma palestra e outra e nas palestras também. Muitas piadas e brincadeiras nos Happy Hour. O humor do pessoal é enorme.

No primeiro dia, eu participei dos dois treinamentos: sobre programação com python em celulares nokia e sobre Grok. Os dois treinamentos foram conceitos introdutórios, mas foram muitos importantes para conhecer um pouquinho sobre cada ferramenta. No final do primeiro dia fui avisado que teria uma mesa redonda sobre Python para Web e eu representaria o Django, Dorneles o Plone e Luciano Ramalho o Grok. Nós três tivemos a idéia de falarmos sobre cada ferramenta de forma divertida e contar porque cada um de nós a utilizamos. Foi bem divertido, arrancamos muitos rizos do pessoal, inclusive quando disse que não uso Plone por sua tela azul. Para quem quiser acho que em breve estará disponível na Web.

No segundo dia, comecei tentando arrumar o meu computador e o laboratório para dar o treinamento de Django e também não assisti quase palestras. Uma das poucas palestras que assisti foi a do Gustavo Neimayer sobre Storm que foi muito legal.

A experiência de ministrar um treinamento sobre Django foi muito legal! A sala estava lotada! Vi que muitas pessoas tem interesse sobre o framework, mas percebi também que muitos não sabem por onde começar! E o treinamento tinha essse objetivo, mostrar como iniciar no Django.

No último dia eu eu resolvi não fazer nenhum treinamento, para poder assistir as palestras.

Resumindo na PyCon foram abordados muitos assuntos como: Eagle, GTK, QT, WxPython, Maemo, PyJamas, Django, Grok, Zope, Plone, TurboGears, SqlAlchemy, IronPython, Shuberry, Gimp, PyGame, Gsoc. E assuntos como Python no ensino de estatística, no ensino de computação, na ciência. E teve uma palestra sobre motivação com o Dorneles Climber.

Para quem quiser ver as fotos oficiais do evento: http://picasaweb.google.com/PyConBrasil

A PyCon foi muito legal. Não vejo a hora de chegar a próxima.

Nos vemos lá.

3 comentários:

Pedro Valente disse...

Andrews, gostei do treinamento e de conhecer o pessoal. Estarei nos próximos com certeza :)
Esses dias consegui resolver aquele problema de codificação com palavras acentuadas que surgiu durante o treinamento. Coloquei o seguinte comentário no início do views.py:
# -*- coding: iso-8859-1 -*-

Renato disse...

olá Andrews! Queria ter te conhecido pessoalmente na PyCon, mas não foi possível. Também trabalho com Django e fiquei feliz de encontrar alguém com seu conhecimento. Poderia me passar seu e-mail, por favor? Obrigado. Abraco.

Renato disse...

Já descobri, te envio um e-mail. Abraco.